O que é DevOps e por que você deveria colocá-lo em prática o quanto antes?

o-que-e-devops

Fundamental para ambientes de cloud e para o mercado de TI atual, o DevOps é uma corruptela das palavras “desenvolvimento” (Dev) e “operações” (Ops). Deve ser entendido como uma estratégia para aumentar a capacidade de uma empresa de distribuir aplicativos e serviços em alta velocidade e com qualidade. Os princípios de DevOps ajudam times de desenvolvimento e operação a trabalharem em parceria para agilizar e melhorar a criação e manutenção de softwares. Mas por que adotar o DevOps é importante, mesmo?

O principal benefício e também a maior mudança na estratégia de um ambiente de DevOps é ter profissionais diferentes trabalhando juntos. Pode ser em equipes híbridas (de desenvolvedores e operações de infraestrutura) ou times atuando em conjunto. Desenvolvedores, DBAs (administrador de banco de dados), analistas de negócios, engenheiros de operações e assim por diante: a colaboração entre esses diferentes profissionais oferece muitos benefícios. A ideia é reduzir a tensão entre os times para que eles, trabalhando colaborativamente, entreguem mais resultado para a empresa.

Benefícios técnicos:

  • Fornecimento contínuo de software;
  • Problemas menos complexos para corrigir;
  • Resolução mais rápida de problemas.

 

Benefícios do negócio:

  • Entrega mais rápida de recursos;
  • Ambientes operacionais mais estáveis;
  • Mais tempo disponível para adicionar valor (em vez de corrigir/manter).

 

Time-to-marketing mais rápido

Para acompanhar o ritmo acelerado imposto pela era digital para atender as demandas crescentes por inovação, as empresas devem ser cada vez mais ágeis. O time-to-market (tempo para colocar um produto ou serviço no mercado) encurtou e o ciclo de desenvolvimento do software também deve acompanhar estas mudanças. Ao adotar o DevOps, a empresa consegue otimizar e aperfeiçoar produtos em um ritmo mais rápido do que as que usam processos tradicionais de desenvolvimento de software e gerenciamento de infraestrutura, sem perda de qualidade. Essa velocidade permite que as empresas atendam melhor aos seus clientes e possam competir de modo mais eficaz no mercado.

Estabilidade X novos recursos

Um ambiente de TI tradicional muitas vezes causa tensão entre a introdução de novos recursos e estabilidade. Enquanto a equipe de desenvolvimento é cobrada pelos recursos que entrega aos usuários, o time de operações é medido com relação à estabilidade do sistema.

Em um ambiente DevOps, uma única equipe é responsável por fornecer novos recursos e estabilidade. A combinação de uma base de código compartilhada, integração contínua, técnicas de teste e implantações automatizadas, entre outras coisas, expõe problemas de forma mais visível no código do aplicativo, na infraestrutura ou configuração. Desta forma, os problemas tendem a ser menos complexos porque os conjuntos de alterações são menores. E os tempos de resolução são mais rápidos porque não é preciso esperar por uma equipe diferente para corrigir o problema.

Melhoria contínua

A estratégia de entrega contínua de software traz dois grandes fatores de sucesso para uma organização: primeiro, você pode implementar uma ideia de forma mais rápida em termos de desenvolvimento do projeto inicial. E é possível experimentar muitas coisas diferentes para melhorias incrementais contínuas de tudo que sua companhia mede, seja desempenho, vendas ou licenças de uso. Adotar uma abordagem enxuta para o desenvolvimento de produtos (por exemplo, dividir o trabalho em pequenos lotes e implementar o feedback dos clientes) prevê um maior desempenho de TI e menos “dor” na implantação.

Aumento da satisfação e da eficiência da equipe

Em um ambiente tradicional de TI há um enorme desperdício de tempo e esforço, com pessoas à espera de outras pessoas, outros recursos, software novo. Profissionais de alto desempenho querem ser produtivos e buscar coisas novas. O tempo gasto em solucionar problemas recorrentes causa frustração e insatisfação. Com implementações automatizadas e ambientes de produção padronizados, aspectos-chave do DevOps, as implantações tornam-se previsíveis e liberam os profissionais das tarefas repetitivas rotineiras para fazerem coisas mais criativas.

A pesquisa Puppet Labs 2016 State of DevOps aponta os ganhos de qualidade que as empresas que incorporam práticas DevOps conquistam. Confira alguns:

  • Equipes de TI de alto desempenho gastam 50% menos tempo para remediar problemas de segurança;
  • Gastam 22% menos tempo em trabalho não planejado e retrabalho;
  • Profissionais em equipes de alto desempenho foram 2,2 vezes mais propensos a recomendar a sua organização como um ótimo lugar para trabalhar.

Para atender às demandas de um negócio ágil é preciso integrar equipes e automatizar processos.  A partir dos princípios e práticas do DevOps, os departamentos de TI podem adotar uma posição de estratégia para melhorar a agilidade dos negócios. Entre estas estratégias está a adoção de um ambiente de nuvem.

Os principais líderes apontados no Quadrante Mágico do Gartner para IaaS na Nuvem (Magic Quadrant for Cloud Infrastructure as a Service, Worldwide), já disponibilizam um conjunto de serviços flexíveis elaborados para permitir que as empresas criem e distribuam produtos mais rapidamente e com maior segurança usando as práticas de DevOps. Esses serviços simplificam o provisionamento e o gerenciamento da infraestrutura, a implantação do código do aplicativo, a automação dos processos de lançamento de software e o monitoramento do desempenho do seu aplicativo e da sua infraestrutura.

Contando com a BRLink como seu parceiro, a adoção dos princípios DevOps trarão agilidade e qualidade ao seu negócio e TI e irão acelerar a sua viagem para a nuvem.

Quer saber mais? Conheça mais 10 motivos convincentes para migrar para a nuvem!

whitepaper business intelligence